SOCIAL
To Top

Pool Party: festas de fim de ano com a cara do Brasil

Como aproveitar a área externa para promover as festas de fim de ano ao redor da piscina com elegância e beleza

O Natal e o Réveillon são momentos de confraternização onde reunimos a família e os amigos para celebrar o amor, a amizade e nos preparar para o início de uma nova etapa em nossas vidas. No Brasil, em dezembro, estamos no verão, e esta é uma estação propícia para ficarmos por mais tempo ao ar livre. Assim, transportar as comemorações para a beira da piscina é uma ideia que agrada a todos, deixando o evento mais leve e divertido.

Com mobiliário adequado, as áreas em torno da piscina se tornam superadequadas para as festas de final de ano. Projeto de decoração Estela Netto. Projeto arquitetônico Myrna Porcaro.

De acordo com a arquiteta Estela Netto, esta é uma opção muito interessante para promover as festas de final de ano. “O brasileiro gosta muito de estender a permanência dele na área externa, afinal nosso clima é conveniente e normalmente as áreas de lazer das casas são lindas. Então, a beira da piscina é um lugar que naturalmente já tem toda ambiência para fazer uma festa. O que pode ser feito é capacitar o ambiente para este tipo de situação, com um mobiliário adequado e uma infraestrutura para receber os convidados e não ficar uma coisa desorganizada e desconfortável”, esclarece.

 

Projeto Gislene Lopes. Projeto luminotecnico foi criado de maneira a iluminar o espaço sem, no entanto, trazer desconforto aos usuários do espaço.

Segundo a arquiteta e designer de ambientes Gislene Lopes, é necessário criar áreas de encontro no entorno da piscina, para que haja interação entre os convidados. “É de extrema importância um bom layout do espaço, que saiba preservar as circulações e criar diferentes ambientes para os convidados. Vale destacar que em eventos durante período chuvoso torna-se imprescindível o estudo dos locais de abrigo para a permanência e conforto dos convidados. Adornos externos, próprios para este tipo de espaço, são bem-vindos desde que fiquem mais distantes das circulações e da própria piscina, atendam à proporção do restante da decoração no espaço externo e sejam práticos na sua limpeza e conservação. Para eventos à noite, a iluminação do espaço também deve ser muito bem pensada, pois é bem mais complicado conseguir um bom resultado em espaços externos, estando atentos para que não se tenha luzes que cegam os convidados e nem permitir que o espaço fique muito escuro, criando ambientes aconchegantes”, relata.

Estela Netto ressalta que uma consultoria com o profissional é capaz de ajudar na hora de transformar o seu espaço de lazer em um espaço convidativo para uma festa de maior proporção como estas de final de ano. Como, por exemplo, o aluguel de um mobiliário específico para a ocasião. “Com a consultoria é possível saber como aproveitar o mobiliário que já existe no ambiente, por exemplo, criando uma nova forma de uso dele. Às vezes, você tem um sofá, mas não tem mesa de apoio para comer, então você só complementa com mesinhas. Ou, então, você tem poltronas, mas que estão distribuídas de um jeito que não vai ser tão conveniente para um lounge e, aí, a gente pode redistribuir, refazer um layout, mobiliar com o que você já tem”, explica Estela, acrescentando também que é importante conhecer o perfil dos convidados. “É importante, também, saber se a festa vai ter criança ou não, para poder entender como lidar com a questão da piscina em si. Ambientar lounges muito próximos, à beira da piscina, é um pouco perigoso, porque existe a possibilidade de ocorrer algum tipo de acidente, como alguém cair dentro dela. Mas, de um modo geral, as pessoas entendem que a festa é próxima a ela, então, os pais ficam de olho em seus pequenos para não terem incidentes”, pontua Estela.

Gislene Lopes ratifica que, para proteger os convidados de qualquer incidente em relação à piscina, o primordial para este tipo de ambientação de festas é a circulação. “É interessante criar vários locais de apoio para bebidas, mas sempre afastados da piscina e fora dos fluxos de circulação”, explica.

Projeto Gislene Lopes. Espaço de bebidas longe da piscina evita acidentes.

A profissional indica o melhor tipo de mobiliário para este tipo de locação, destacando quais as prioridades caso as festas ocorram durante o dia e/ou à noite. “Os mobiliários próprios para eventos próximos das piscinas devem ser práticos tanto para limpeza como para serem movimentados se necessário. Tecidos impermeáveis que aliam o conforto no toque são muito bem-vindos. Materiais resistentes ao sol, umidade e pequenos impactos são fundamentais para o mobiliário externo. Deve-se aproveitar o uso de mobiliários que promovam maior sombra e protege da chuva (se for o caso) como os ombrelones, pois além de permitir uma permanência sombreada durante o dia, também trazem grande conforto, mesmo durante a noite”, cita.

Os ombrelones são itens indispensáveis para confraternizações na área de piscina desta época do ano. Projeto Gislene Lopes.

Estela Netto ainda complementa algumas dicas para que a festa seja perfeita: “Atente-se para não usar um mobiliário que tenha cara de área interna na beira da piscina, pois pode gerar um certo desconforto. Afinal, as pessoas vão usar aquele espaço de um jeito mais descomprometido e casual”, encerra.

 

 

 

Por Mão Dupla

Imagens: Jomar Bragança

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Arquitetura

A Revista USE é uma publicação inédita no Brasil sobre o design intrínseco nas mais variadas peças do mobiliário, decoração e artigos de desejo que traduzem nossa relação com o mundo e tudo o que nos cerca.

Portal - No portal vocês poderão conferir notícias atualizadas diariamente sobre o mundo da decoração, suas inovações e tendências.

Revista - Com publicação quadrimestral, a revista impressa reúne o que há de mais inusitado do mundo do design com distribuição em todo Brasil, tem duas versões: impressa e digital.

Revista USE. 2017 - Todos os direitos reservados.