SOCIAL
To Top

Mostra Artefacto Brasília 2020 apresenta o tema “O Essencial para Morar Bem”

Nova edição da tradicional Mostra Artefacto reúne grandes nomes da arquitetura em ambientes que abordam tudo aquilo que é Essencial na vida contemporânea. Coleção Edition 2020 assinada por Patricia Anastassiadis busca inspiração nas formas naturais e no próprio ser humano

Foi valorizando o fatto a mano, principal característica do DNA da Artefacto, há quase 45 anos, que a marca se tornou referência em mobília de alto padrão. Agora a Artefacto dá outro passo importante apresentando a terceira geração da família Bacchi. “Meus filhos estão sendo preparados assim como fui  preparado  pelo  avô deles,  o  Albino  Bacchi.  Cresci na  indústria,  passei  por  todos  os  processos, convivi de perto com grandes arquitetos que escreveram capítulos importantes dos interiores no Brasil confiando na nossa marca, para depois montar a operação lá na América do Norte – hoje a Artefacto é líder de mobília no sul dos Estados Unidos. Formados pela Universidade de Miami, cada qual com suas características e qualidades específicas, eles entram de forma permanente: Pietro na área de Vendas e Marketing; Bruno tocando Logística e Investimentos”, explica Paulo Bacchi. “Convidamos  você  a  vivenciar  a  coleção  Artefacto  Edition  2020,  que  mais  uma  vez  prestigia  a integridade do desenho em móveis 100% patenteados. Essenciais também são nossos parceiros em mais uma edição da mostra Artefacto, evento que há algum tempo já foi absorvido pelo calendário das  exposições  de decor  mais  importantes  do  País.  Muito  mais  do  que  furniture,  a  Artefacto representa mesmo um estilo de vida cool, confortável e elegante”, conclui o CEO.

MOSTRA ARTEFACTO BRASÍLIA 2020

Cybele Barbosa, Júlia e George Zardo, Juliana Leão, Larissa Dias, Maai Arquitetura, Márcia Montenegro, Mariana Jardim e Bruna Bueno, Ney Lima e Walléria Teixeira, Patrícia Guimarães Farah, Silvana e Luisa Albuquerque participam desta edição da Mostra Artefacto com projetos feitos para sonhar e se inspirar, embasados na premissa do que é Essencial para morar bem.

Cybele Barbosa

@cybelearquitetura

Natural de Montes Claros e graduada pela Universidade Estadual de Minas Gerais, a arquiteta construiu uma carreira sólida na capital federal. Há quase 25 anos no mercado brasiliense, do compasso ponta firme de Cybele brotam contornos arquitetônicos e de interiores para residenciais e corporativos, entre outros formatos, Brasil afora. “Ainda na infância tive o despertar para o design nas brincadeiras de mudar o layout da casa dos meus pais e avós”, relembra a profissional, partidária de um estilo que valoriza as proporções, os detalhes e a fluidez dos programas. Para coroar a sua 11ª participação na Mostra Artefacto Brasília, ela conceituou um ambiente aconchegante de 80 m² desdobrados em hall, living, bate-papo/bar. O sofá Discovery, o buffet Constantin e a escrivaninha Enzo elevam a elegância da proposta. “O essencial para a vida é manter o ponto de equilíbrio e a harmonia”, arremata.

Júlia e George Zardo

@studiozardoarquitetura

A prima decoradora plantou a ideia da arquitetura em George, o mineiro nato de Uberlândia que está com o compasso em riste desde 1981. Ao lado de Júlia – a filha também seguiu a trajetória profissional do pai e trabalha no mercado há cinco anos – conduzem o Studio Zardo, de onde desenrolam plantas de todas as escalas em destinos como Goiânia, São Paulo, Porto Alegre e Fortaleza, para citar alguns. “Nosso trabalho é uma interpretação do desejo dos clientes, a materialização, principalmente, do estilo contemporâneo”. Figuras assíduas em todas as edições da Mostra Artefacto Brasília, desta vez o duo apresenta uma composição de 145m² compartimentada em bar, estar e varanda. O sofá Argand, a poltrona Mayu e a banqueta Giorgio, móveis atemporais do catálogo Artefacto, alinhavaram a atmosfera de ode ao relaxamento materializada pelo clã Zardo. “O essencial para morar bem é ter um ambiente belo, confortável e prático”, finalizam.

Juliana Leão

@julianaleaoarq

O apreço pelos universos das artes plásticas e da criatividade, bem como a admiração do plano urbanístico empreendido por Lúcio Costa, em Brasília, serviram de parâmetros para a capixaba eleger a arquitetura como caminho a ser trilhado. Com 16 anos de carreira, desde 2015 ela mantém escritório a partir do qual viabiliza residenciais, comercias e hospitalares. “As casas e apartamentos são as minhas verdadeiras paixões. Também já fiz projetos em Vitória, Rio de Janeiro e Miami”, revela. Na visão de Juliana, o essencial é ter um ambiente confortável, prático, com muita identidade e que te faça feliz. Esta é a proposta chancelada no rooftop campestre que sela a sua quarta presença na Mostra Artefacto Brasília. A composição jogou luz nos móveis elegantes e resistentes às intempéries da natureza, com direito às joias pinçadas no catálogo Beach & Country, caso do balanço Apuí, da poltrona Corumbau e da mesa componível Paloh. Para injetar ainda mais vida e verde na proposta, o paisagista/artista Mendo Barreto entrou na parceria com Juliana, inserindo espécies que vão desde as palmeiras fênix até mini cajaranas – fruto típico do nordeste.

Larissa Dias 

@larissadiasarquitetura

As brincadeiras lúdicas de empilhar cidades em maquetes despertaram o gesto projetual de Larissa, que é graduada em Arquitetura e Urbanismo pela Unb. “Logo ao me formar comecei a fazer projetos de amigos e abri meu escritório que completou 16 anos na cidade”, recorda Larissa. A profissional tem forte atuação em residências, condomínios, clínicas e lojas na capital do País, São Paulo, Rio de Janeiro, Maceió e Goiânia. Fã de espaços planejados, que exalem soluções harmônicas de integração, ela colabora pela quinta vez com a Mostra Artefacto Brasília. “É essencial se sentir bem e ter o prazer no dia a dia. Gosto de conhecer meus clientes e saber o que é prático e belo para eles, pois temos que entender e respeitar essa percepção de cada um”, diz. A narrativa confabulada em estar, circulação e home theater convida ao convívio confortável e prático graças à mesa Kiluan e poltrona Carrie e ao sofá Illi – todos sob o selo Artefacto.

Maai Arquitetura

@maaiarquitetura

Transbordando arte das pranchetas desde 2012, o escritório fixado em Brasília é encabeçado por Monica Pinto, Arnaldo Pinho e Isabel Veiga. O QG tem expertise de sobra no segmento da arquitetura e dos interiores residenciais de alto padrão não apenas no Distrito Federal, como também em outras praças como Ceará, São Paulo, Bahia, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Autor de narrativas marcantes e presente em todas as edições da Mostra Artefacto Brasília, o power trio agora se ancora no conceito da biofilia para gestar o espaço da vez. A ideia tira partido da afinidade com a natureza para ambientes onde é possível viver, trabalhar e aprender – em tempos de isolamento social esta pedida parece ser a mais acertada possível. “Entendemos que seja essencial projetar espaços com a cara e o gosto da clientela”, reforçam. A mesa Lena e a poltrona Fold estão entre os móveis estelares by Artefacto que abrilhantam essa formatação de suave perfume natureba.

Márcia Montenegro

  @_marciamontenegro

Especialista em arquitetura bioclimática, vertente que respalda o conforto ambiental dos projetos, Márcia ainda bem jovem reverenciava as artes plásticas mas, em paralelo, também curtia equações matemáticas e física. “Logo me identifiquei com a arquitetura, um amor irrefreável. Ali encontro minhas grandes paixões, o lúdico, o humano, a beleza, o equilíbrio e a razão”, revela. Quando recém-formada, nos anos 1990, estreou no escritório de ninguém menos que Oscar Niemeyer – e lá permaneceu de 1994 a 2000. Já alicerçada na capital distrital, ela atua na cidade e também em Palmas, Rio de Janeiro, Lisboa e Porto, além das obras entregues em Miami e na Suíça. Para sua nona incursão na Mostra Artefacto Brasília, ela apostou em um living conectado ao jantar, sob a chancela do tema “Essencial para morar bem”. Um grande painel de mármore calacatta contrasta com o sofá Plein, a poltrona Indiana e a mesa Poiret, algumas das peças-vedetes do catálogo Artefacto.

Mariana Jardim e Bruna Bueno

@marianajardimarquitetura

@brunabuenointeriores

Uma temporada em Madri, na Espanha, influenciou a arquiteta niteroiense Mariana na escolha da trajetória. Desde 2012, ela carimba reformas de interiores, casas e corporativos em Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo e Maceió. Já o hábito de esboçar os móveis de casa desde a infância foi determinante para Bruna, nascida em Cascavel, Paraná, seguir a vocação natural ao estudar Design de Interiores com especialização na Universidade Roma Sapienza. Com expertise em iluminação, em 2013, ela focou os compassos em interiores residenciais, comerciais e náuticos pelo Brasil afora. Militantes do estilo contemporâneo, estreiam, em parceria, na Mostra Artefacto Brasília, com o living inspirado na Costa Amalfitana, Itália. No conjunto sobressaem o sofá Milano, a mesa Halston e a poltrona Phili. “O grande destaque do espaço são os móveis atemporais, com design exclusivo, confortáveis, em grandes formatos, com tecidos nobres, com alta durabilidade e funcionalidade da Artefacto”, finalizam.

Ney Lima e Walléria Teixeira

@neylimaarquitetura

@walleriateixeira

O dom natural de desenhar norteou a opção do goiano para o vestibular de Arquitetura, na PUC-GO. Desde 1987, o craque está com a mão na massa, nas escalas residencial e corporativa no Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Bahia, Alagoas e Manaus. A mãe, professora de Artes, foi a referência certeira para Walléria focar na organização de espaços e ambientes. Formada em 1993 – no mesmo curso e universidade do colega – além da capital, a criativa edifica casas e projetos comerciais pelos quatro cantos do Brasil. Entusiastas do minimalismo, eles remixaram as expertises no desfile chic da Mostra Artefacto Brasília – vale lembrar que a arquiteta está em sua sétima edição do evento e Ney crava a segunda participação na mostra. Uma configuração de sala de jantar, estar, quarto e lavabo é a narrativa dentro do mote vigente. “O tema essencial está interpretado no layout mais limpo, sem excessos, com poucos adornos, numa linguagem leve, sofisticada e aconchegante”, ressaltam. O sofá Lounge, a cadeira Hara e as mesas Louise se destacam na proposta de interiores chancelada a quatro mãos.

Patrícia Guimarães Farah

@patriciaguimaresfarah

Nascida em Athens, Ohio, Estados Unidos, a criativa estudou Administração e Design de Interiores – e foi a influência materna que a fez mirar sua carreira para o nicho do décor. Há sete anos Patricia edifica formatos nos segmentos corporativos, hospitalar e residencial, no Distrito Federal, Rio de Janeiro e Recife. Partidária de elementos estéticos atemporais como boiseries e molduras que podem receber releituras mais contemporâneas, em nome de um formato mais conectado ao seu tempo, ela debuta na Mostra Artefacto Brasília numa configuração sofisticada composta por salas de jantar e estar. “Procurei dar utilidade, aconchego e suavidade ao espaço”, revela. A dona do pedaço ainda validou uma paleta de tons monocromáticos para realçar as obras de arte, os quadros dipticos “Anjos” e “Leão de Judá”, bem como a seleção de ouro da Artefacto representada pela poltrona Ricci, o sofá Kubrick e a mesa de jantar Lake.

Silvana e Luisa Albuquerque

@silvanaalbuquerquearquitetura

@luisaafa

Desde 2001, a arquiteta e urbanista Silvana conduz escritório que valida apostas residenciais, comerciais e corporativas contemporâneas, em CEPs diversificados como Brasília, Rio de Janeiro e Natal. Dentro do dito popular, que consagra a retórica do “filho de peixe, peixinho é”, Luisa, o braço de interiores do QG, não fugiu à regra. “Sempre me encantou o mundo da decoração”, revela a profissional também formada em Design de Moda. “Essencial é tudo aquilo de mais básico e importante que caracteriza um ser ou algo, o que está no nosso DNA espiritual e nos faz ser quem somos”. O mood fashion e a arquitetura estão reverberados no conceito do quarto de casal executado para a sexta edição do escritório na Mostra Artefacto Brasília. Em matiz neutro, o aposento tem alas de dormir, leitura e mesa para refeições rápidas ou trabalho. “O mobiliário em fibra natural, como a poltrona e a chaise Indiana ou a cabeceira Piet, em palhinha, confere leveza e bem-estar ao espaço”, alinhavam.

SERVIÇO

Artefacto

St. De Habitações Individuais Sul Ql 21 / Bloco B / Lago Sul

Telefone (61) 2196-4250

Funcionamento da loja: segunda a sexta, das 10:00 às 19:00. Sábados, das 10:00 às 18:00

@artefactooficialbrasil

#Artefacto2020

#MostraArtefacto

#MostraArtefacto2020

#ArtefactoEdition

#ArtefactoEdition2020

 

 

 

 

Por Priscila Morrone

Imagem: Edgard Cesar

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Acontece

A Revista USE é uma publicação inédita no Brasil sobre o design intrínseco nas mais variadas peças do mobiliário, decoração e artigos de desejo que traduzem nossa relação com o mundo e tudo o que nos cerca.

Portal - No portal vocês poderão conferir notícias atualizadas diariamente sobre o mundo da decoração, suas inovações e tendências.

Revista - Com publicação quadrimestral, a revista impressa reúne o que há de mais inusitado do mundo do design com distribuição em todo Brasil, tem duas versões: impressa e digital.

Revista USE. 2017 - Todos os direitos reservados.