SOCIAL
To Top

“Goiânia recebe projeto assinado por autoridade do luxo”, diz Ferreirinha, guru do alto padrão no Brasil

Carlos Ferreirinha destaca credenciais de Patricia Anastassiadis, arquiteta e designer que assina o Legacy City Home na capital goiana

Capital de uma das economias mais resilientes do País durante a pandemia, Goiânia está se movimentando para trazer o mercado do luxo para perto dos goianos. É o que avalia Carlos Ferreirinha, diretor da Associação Brasileira das Marcas de Luxo (Abrael) e o principal formador de opinião sobre o mercado do luxo no Brasil. A cidade, que ocupa a 10ª colocação entre as capitais brasileiras com maior renda média mensal, segundo dados do FGV Social 2020, vai receber o Legacy City Home, novo projeto assinado por Patricia Anastassiadis e que será lançado pela City Soluções Urbanas e a O.M. Incorporadora. Arquiteta e designer de reconhecimento internacional, Patricia é uma “autoridade do luxo”, na definição de Ferreirinha.

“Na incorporação imobiliária, uma marca poderosa é capaz de transmitir todos os conceitos por trás daquela empresa: o legado, a personalidade, a ousadia, a imagem. E o luxo reside não apenas nesses elementos, mas também na localização do empreendimento, na qualidade do material, nos detalhes. E existe ainda um elemento a mais, que é a marca que assina todo esse conjunto. A Patricia é essa marca, que endossa a credibilidade do produto. Trabalhar com o luxo demanda obsessão por detalhes e compromisso com a excelência. A Patricia é uma arquiteta com um olhar extraordinário. Desde a matéria-prima que ela utiliza até o acabamento que ela realiza. É uma autoridade do luxo”, definiu Ferreirinha.

Patricia Anastassiadis é sócia fundadora do escritório Anastassiadis Arquitetos, criado em 1993 em São Paulo, e também atua como diretora criativa da marca Artefacto, referência internacional em mobiliário de luxo. Em seu currículo, estão projetos na França, Antígua, Chile, Espanha, Grécia e Portugal. Os grandes destaques de sua obra estão no setor de hotelaria, onde ela assinou projetos de ambientes interiores de hotéis como o icônico Grand Hotel du Cap-Eden-Roc, na área mais glamurosa da Riviera Francesa, e o Palácio Tangará, atração da capital paulista pelo requinte e sofisticação.

Em live realizada no Instagram, com a participação de Victor Tomé, diretor de projetos da City, e Ana Flávia Canedo, diretora da O.M. Incorporadora, o guru do mercado de luxo destacou a ousadia das duas empresas por desbravar o potencial de Goiânia para os empreendimentos de alto padrão. Segundo ele, a capital goiana ainda desempenha um papel incipiente dentro do mercado de luxo brasileiro, mas possui potencial de sobra para se destacar entre as capitais com mais possibilidades de crescimento neste segmento.

“Goiânia está em uma região do Brasil que ainda tem muito a amadurecer no luxo. Mas o luxo também é isso, é a ousadia e a coragem. Quem trabalha com o luxo precisa ter a clareza de que os resultados demandam muito tempo para aparecer. O luxo dialoga com a crença de que não há cliente para isso. Ele confronta o status quo. E quem ousa abraçar o luxo precisa estar determinado a oferecer uma oportunidade para que as pessoas descubram novas necessidades e passem a se abrir para este mercado”, avaliou o consultor.

——————————————————————————————————————————————————————————

VEJA: Conceito Aberto na arquitetura: Marina Carvalho explica as vantagens e desvantagens de morar em uma residência com ambientes integrados

——————————————————————————————————————————————————————————

Em Goiás, um dos aspectos da economia que pode favorecer a exploração do mercado de luxo é a riqueza gerada pelo agronegócio. Entre os municípios goianos com maior renda média mensal, estão cidades que se destacam neste segmento, como Aporé, Jataí, Itumbiara, Goiatuba, Rio Verdes, Ceres e Mineiros. Em 2020, de acordo com o Instituto Mauro Borges, o valor bruto de produção relacionado à Agricultura chegou a R$ 41,5 bilhões, aumento de 13,9% em relação ao ano anterior. Tendências do mercado imobiliário apontam que os grandes empresários do setor estão dispostos a investir em imóveis de alto padrão na capital do Estado.

Apesar dos números significativos do mercado de luxo no Brasil, com a previsão de movimentar 29 bilhões de reais por ano até 2023, segundo estudo feito pela consultoria Euromonitor International, o segmento ainda tem muito potencial de crescimento, principalmente quando comparado com outros países. Em todo o mundo, esse mercado movimenta cerca de 10 trilhões de reais por ano, incluindo aí automóveis, iates, empreendimentos imobiliários, aviões particulares, jóias, acessórios, roupas, calçados, gastronomia e esportes, entre outros.

Pandemia

Ferreirinha também analisou o contexto da pandemia para o mercado de luxo. Segundo ele, enquanto setores como os de eventos, alta gastronomia e viagens enfrentam as consequências negativas do isolamento social, os empreendimentos de alto padrão puderam crescer por causa da mudança de comportamento das pessoas, que agora encaram a casa como nova protagonista de suas vidas.

“Esse momento que vivemos deu à casa um protagonismo que ela nunca teve. A casa passou a ser a nossa prioridade. Antes, ela era uma de nossas atividades, que dividia as atenções com o trabalho, o clube, o shopping. Muitas vezes a gente passava até menos tempo em casa do que nos outros lugares. E agora, as pessoas ficam muito em casa e perceberam necessidades que não tinham antes. Muitas pessoas se deram conta de que precisavam de um espaço maior e mais sofisticado, e isso abriu novas portas para o mercado”, disse o consultor.

O Legacy City Home terá unidades de 270 a 695 metros quadrados, sendo 4 ou 5 suítes, com vista nascente para o Parque Areião. O residencial aposta no segmento das casas elevadas, com a proposta de apartamentos que capturem de forma fiel a experiência de se viver em uma casa.

 

 

Por Túlio Moreira de Oliveira

Imagens: Divulgação

 

 

Somos o Grupo Multimídia, editora e agência de publicidade especializada em conteúdos da cadeia produtiva da madeira e móveis, desde 1998.Informações, artigos e conteúdos de empresas e entidades não exprimem nossa opinião. Envie informações, fotos, vídeos, novidades, lançamentos, denúncias e reclamações para nossa equipe através do e-mail redacao@grupomultimidia.com.br ou entre em contato pelo (41) 3235.5015.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Acontece

A Revista USE é uma publicação inédita no Brasil sobre o design intrínseco nas mais variadas peças do mobiliário, decoração e artigos de desejo que traduzem nossa relação com o mundo e tudo o que nos cerca.

Portal - No portal vocês poderão conferir notícias atualizadas diariamente sobre o mundo da decoração, suas inovações e tendências.

Revista - Com publicação quadrimestral, a revista impressa reúne o que há de mais inusitado do mundo do design com distribuição em todo Brasil, tem duas versões: impressa e digital.

Revista USE. 2017 - Todos os direitos reservados.