SOCIAL
To Top

Exposição ‘Casas do Brasil: conexões paulistanas’ apresenta a partir de outubro no MCB modos de morar de grande parte dos paulistanos

A mostra tem curadoria de Didiana Prata e fotografias de Marcos Freire

O Museu da Casa Brasileira, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo’, abriu no dia 16 de outubro, sexta-feira, das 11h às 15h, a exposição ‘Casas do Brasil: conexões paulistanas’, com curadoria de Didiana Prata e fotografias de Marcos Freire. Essa é a sétima edição do projeto Casas do Brasil, que propõe a formação de um inventário sobre a diversidade do morar no país.

Ao longo de sete anos, o fotógrafo Marcos Freire realizou 990 visitas a 94 dos 96 subdistritos da cidade de São Paulo, produzindo vinte mil fotos que trazem um olhar singular sobre o território paulistano. Segundo Didiana Prata, o público poderá ver imagens que revelam algo inédito sobre o morar paulistano. “As fotos têm um viés poético, lírico que formam narrativas visuais singulares, conectadas a partir de diferentes elementos da paisagem urbana”, comenta a curadora.

—————————————————————————————————————————————————————

VEJA: AGE360 será lançado nesta quinta-feira (22) com a presença da CEO do Architecture Hunter, Amanda Ferber

—————————————————————————————————————————————————————

Segundo Giancarlo Latorraca, diretor técnico do MCB, a exposição traz um amplo e importante registro sobre a forma de morar de boa parte da população paulistana. “Com seu olhar atento e minucioso, Marcos Freire, capturou traços da vida cotidiana impressos nos interiores das casas, com seus vários ambientes e objetos e, no espaço comum dos arredores, imersos na grande massa urbana periférica”, comenta Latorraca.

A nova mostra do Museu também apresenta a diversidade do território paulistano a partir das tramas constituídas pelos trípticos de imagens. O espectador terá um olhar mais poético sobre os signos e materialidades dessas moradas: acabamentos das fachadas, decoração dos interiores das casas, cores.

A exposição foi contemplada e realizada por meio do ProAC edital 10-2019 – Exposições inéditas de artes visuais.

Sobre Didiana Prata – Curadora

Designer gráfico e curadora de imagens. Doutoranda do Programa de pós-graduação em Design da FAU-USP. Sua investigação está focada no design e na evolução das narrativas visuais na contemporaneidade, na estética de banco de dados e em novas estratégias criativas e curatoriais.

Didiana atua como designer e curadora independente, realizando projetos relacionados à cultura visual, educação, arquitetura e antropologia urbana. É membro do Grupo de Pesquisas Estéticas da Memória no século 21 (CNpQ-FAU-USP), professora de Design na Faculdade de Artes Visuais da Fundação Armando Álvares Penteado – FAAP, São Paulo e da Escola da Cidade.

Sobre Marcos Freire – Fotógrafo

Marcos Freire é um paulistano nascido em 1966 e trabalha na capital como fotógrafo e perito. Formado em arquitetura e urbanismo pela FAU-USP no ano de 1990, o artista seguiu a carreira de fotógrafo publicitário, trabalhando para as principais agências de São Paulo e participando de vários prêmios de festivais internacionais. A partir de 2012, além de fotógrafo, inicia uma nova carreira como perito avaliador de imóveis. Em 2017 o fotógrafo editou o material fotográfico de suas vistorias e começou a publicar no Facebook. Por conta desse material postado, o fotógrafo foi convidado para que o ensaio fosse publicado na edição 13 da revista ZUM, periódico semestral do Instituto Moreira Salles. Parte desse material se encontra nesta exposição do MCB.

Sobre o MCB

O Museu da Casa Brasileira, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, dedica-se, há 50 anos, à preservação e difusão da cultura material da casa brasileira, sendo o único museu do país especializado em arquitetura e design. A programação do MCB contempla exposições temporárias e de longa duração, com uma agenda que possui também atividades do serviço educativo, debates, palestras e publicações contextualizando a vocação do museu para a formação de um pensamento crítico em temas como arquitetura, urbanismo, habitação, economia criativa, mobilidade urbana e sustentabilidade. Dentre suas inúmeras iniciativas destacam-se o Prêmio Design MCB, principal premiação do segmento no país realizada desde 1986; e o projeto Casas do Brasil, de resgate e preservação da memória sobre a rica diversidade do morar no país.

VISITAÇÃO

Em outubro de 2020, de terça a domingo, das 11h00 às 15h00

A partir de novembro, de terça a domingo, das 10h00 às 18h00

Ingressos: R$ 15 e R$ 7,50 (meia-entrada) | Compre os seus ingressos aqui
Crianças até 10 anos e maiores de 60 anos são isentos | Pessoas com deficiência e seu acompanhante pagam meia-entrada
Gratuito aos finais de semana e feriados
Acessibilidade no local
Bicicletário com 40 vagas | Estacionamento pago no local

O Museu da Casa Brasileira continua realizando atividades virtuais pela campanha #MCBEmCasa. Fique atento a novidades pelas redes sociais.
Instagram | Facebook | Twitter | Youtube

SITE: mcb.org.br/
Museu da Casa Brasileira
Av. Brig. Faria Lima, 2705 – Jardim Paulistano, São Paulo
Tel.: (11) 3032-3727

 

 

 

Por Jaqueline Caires – Museu da Casa Brasileira

Imagem: Marcos Freire

 

 

 

Envie informações, fotos, vídeos, novidades, lançamentos, denúncias e reclamações para a equipe do Grupo Multi pelo WhatsApp 11 9 9511.5824, por e-mail no redacao@grupomultimidia.com.br ou entre em contato pelo (41) 3235.5015.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Acontece

A Revista USE é uma publicação inédita no Brasil sobre o design intrínseco nas mais variadas peças do mobiliário, decoração e artigos de desejo que traduzem nossa relação com o mundo e tudo o que nos cerca.

Portal - No portal vocês poderão conferir notícias atualizadas diariamente sobre o mundo da decoração, suas inovações e tendências.

Revista - Com publicação quadrimestral, a revista impressa reúne o que há de mais inusitado do mundo do design com distribuição em todo Brasil, tem duas versões: impressa e digital.

Revista USE. 2017 - Todos os direitos reservados.