SOCIAL
To Top

Design – obras em realidade aumentada

A arte é mutável, se reinventa e traz sempre características da época atual. Com isso em mente, é possível visualizar não apenas mentalmente, mas quase que de forma real, obras com um toque curioso e moderno: através da realidade aumentada (RA).

Ao redor do mundo, isso já vem se mostrando tendência há algum tempo. No Museu Nacional de Singapura, por exemplo, a obra “História da Floresta” recebeu um apoio extra para ganhar a atenção dos visitantes.

Com a ajuda do celular e um aplicativo os usuários podem navegar e brincar com plantas e animais, numa linha de jogos de realidade aumentada bem parecido com o Pokémon Go, um sucesso em vários países.

Brasil também entra na tendência de arte + realidade aumentada

Já o Brasil conta com o artista plástico Maurício Nocêra, o Lito, responsável por inovar na arte com a tecnologia de realidade aumentada.

Pioneiro, ele reforça que “o público leigo, a maioria entre os brasileiros, não tinha muita noção de como funcionava ou onde tinha realidade aumentada para experimentar. E com a popularização da tecnologia, eu mesmo vi um boom de cerca de 200% na comercialização das minhas obras que usam RA. Vejo um envolvimento muito maior e uma experiência imersiva, quase que real com as obras”, comenta.

——————————————————————————————————————————————————————————

VEJA: Gaya inaugura showroom no Jardins

——————————————————————————————————————————————————————————

“A primeira vez que tive realidade aumentada foi na galeria que exponho em Miami. Depois disso, busquei formas de incorporar essa tecnologia em minhas artes e criei o quadro da Urban Monalisa”. Vale a pena destacar que, assim que o cliente adquire uma obra com o viés de RA, ela usa o filtro do Instagram para ter em realidade aumentada os detalhes que o artista criou. “É incrível como realmente chama a atenção do público, que passa a interagir confortavelmente com a tecnologia e dinamizar a arte, trazendo para perto do dia a dia algo cultural tão importante”, afirma Lito.

Realidade aumentada e virtual acumulou bons investimentos em 2020

Outro ponto interessante é que, mesmo em um ano atípico, as tecnologias continuaram a receber investimentos. É o caso da RA, com mais de 2 milhões de dólares em financiamentos ao redor do globo, segundo a ABI Research.

Isso tudo foi impulsionado justamente por conta da pandemia, numa aceleração da transformação digital — mesmo ligada ao campo das artes. Ao mesmo tempo, as pessoas conseguiram ter melhor visibilidade e compreensão do valor que essas soluções podem gerar. Para 2021, a previsão é de contínua participação no mercado como um todo.

“Quero continuar aproveitando ao máximo a inovação da RA nas minhas obras. Saber que meu público está tendo uma experiência aprimorada com a arte e interage com ela é algo que todo artista deveria vivenciar. Quem diria que hoje basta posicionarmos o celular em frente a uma obra para que a mesma ganhe ainda mais vida?”, finaliza o artista.

 

 

Por Thiago Baez

Imagem: Divulgação

 

 

Somos o Grupo Multimídia, editora e agência de publicidade especializada em conteúdos da cadeia produtiva da madeira e móveis, desde 1998.Informações, artigos e conteúdos de empresas e entidades não exprimem nossa opinião. Envie informações, fotos, vídeos, novidades, lançamentos, denúncias e reclamações para nossa equipe através do e-mail redacao@grupomultimidia.com.br ou entre em contato pelo (41) 3235.5015.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Design

A Revista USE é uma publicação inédita no Brasil sobre o design intrínseco nas mais variadas peças do mobiliário, decoração e artigos de desejo que traduzem nossa relação com o mundo e tudo o que nos cerca.

Portal - No portal vocês poderão conferir notícias atualizadas diariamente sobre o mundo da decoração, suas inovações e tendências.

Revista - Com publicação quadrimestral, a revista impressa reúne o que há de mais inusitado do mundo do design com distribuição em todo Brasil, tem duas versões: impressa e digital.

Revista USE. 2017 - Todos os direitos reservados.